Sensix

A Sensix reduz em até 70% os custos com químicos e fertilizantes e aumenta em 20% a produtividade das lavouras, integrando dados de drones, satélites, amostras de solo, chuva, produtividade e maquinários e entregando decisões prontas para o agricultor. Atualmente, a Sensix monitora quase 2 milhões de hectares, em cinco países diferentes (Brasil, Argentina, Paraguai, Colômbia e Guatemala). Entre os mais de 60 clientes, estão grandes grupos agrícolas, como Algar Farming, Santa Colomba, GGF e Pedra Agroindustrial. Nos últimos quatro anos, a Sensix teve um crescimento de quase 1000% na receita mensal recorrente, com alta retenção de clientes e potencial de cross-sell e up-sell. A tecnologia proprietária da Sensix já conquistou investimento de grandes nomes, como: Domo Invest, Algar Ventures e Silver Angels e essa rodada na Captable conta com o coinvestimento da SLC Agrícola e Domo Invest. Com a rodada, projeta chegar ao break-even em até 12 meses, atingindo um faturamento de R$ 3,65 milhões em 2023.

Projeto atualizado em: 12/04/2023 17:19
Agtech
Resumo

Resumo da Empresa

A rodada da Sensix na Captable conta com o coinvestimento de: 

  • SLC Agrícola: uma das primeiras empresas do ramo agrícola a ter ações negociadas em Bolsa de Valores. A empresa tem atuação na produção de algodão, soja e milho, além de multiplicação de sementes (com a marca SLC Sementes);
  • Domo Invest: um dos fundos líderes em Venture Capital no Brasil. Com participação de empreendedores de sucesso, como um dos fundadores do Buscapé, o grupo também investiu no princípio dos sucessos Loggi, Gympass e Hotmart.

A Sensix, através da plataforma FieldScan, fornece análises de performance de lavouras utilizando dados sobre o histórico e condição do cultivo. Ao correlacionar dados de drones, satélites, amostras de solo, chuva, produtividade e maquinários, consolidamos as informações de maneira padronizada e influenciamos diretamente a rentabilidade dos cultivos, gerando economia de insumos, maior produtividade e maior eficiência operacional.

Através de técnicas avançadas de tratamento de dados e inteligência artificial, a plataforma é capaz de entregar mapas de localização de plantas daninhas, quantificar falhas de plantio, identificar regiões com baixo desenvolvimento de plantas e evidenciar a variação de fertilidade do solo. A partir dessas análises o agricultor consegue tomar melhores decisões agronômicas e, seguindo as recomendações geradas, aplicar de forma variável insumos como fertilizantes, corretivos de solo, nematicidas, reguladores de crescimento (algodão), indutores de resistência e herbicidas, se comunicando de forma automatizada com o maquinário no campo.

Gama de soluções da Sensix.

Interface da plataforma FieldScan mostrando a variabilidade na fertilidade do solo.

A Sensix hoje monitora quase 2 milhões de hectares em culturas como soja, cana-de-açúcar, tabaco, milho e algodão, fornecendo indicadores acionáveis em menos de 24 horas para os clientes.

Evolução da área processada pela plataforma FieldScan.

 

POR QUE INVESTIR NA SENSIX?

  • Está em um dos maiores mercados do mundo e em franca expansão. Até 2050 devemos produzir pelo menos 70% a mais de alimentos no mundo, mas de forma sustentável, extraindo mais rentabilidade das terras já cultivadas. O caminho para tornar isso possível é a tecnologia;
  • Facilidade de escala e internacionalização. O fato de ser puro software e atender as maiores culturas agrícolas do mundo, faz com que a adoção seja fácil e rápida;
  • Portfólio de clientes notáveis. Grupos agrícolas como Algar Farming, Santa Colomba, GGF e Pedra Agroindustrial já usam e expandem a utilização ano a ano;
  • Payback e ROI claro para clientes altamente capitalizados;
  • Crescimento de quase 1000% na receita mensal recorrente nos últimos dois anos, apresentando alta retenção de clientes e alto potencial de crossell e upsell.
  • Equipe dinâmica e altamente especializada para executar o planejamento;
  • Tecnologia proprietária e com alta barreira de entrada. Um dos motivos de existirem poucos concorrentes diretos;
  • Plataforma fácil e intuitiva, facilitando a adesão de usuários iniciantes na agricultura de precisão.

 

DESTAQUES CAPTABLE

Crescimento

A Sensix apresenta um modelo SaaS de geração de receita predominantemente recorrente - representando aproximadamente 75% do total do faturamento em 2022 -  através do licenciamento dos seus produtos. A startup apresentou um crescimento relevante em 2022, atingindo 1.7MM de faturamento e aumentando o seu faturamento em 80% em relação a 2021. Além disso, a Sensix vem atingindo a sua meta de margem bruta de 70% - demonstrando a substancial  escalabilidade do seu negócio.

Produto

Com tecnologia proprietária a Sensix que integra dados de drones, satélites, amostras de solo, chuva, produtividade e maquinários usando Inteligência Artificial para entregar insights e decisões prontas para o agricultor. Os resultados são surpreendentes: 70% de redução dos custos com químicos e fertilizantes e aumento de 20% na produtividade das lavouras. Não à toa, a Sensix conquitou grandes clientes do setor através de sua abordagem comercial também ancorada em cases de sucesso.

Mercado

Segundo o relatório “2022 Wrapped” do SlingHub, as agritechs foram o único segmento que teve sua participação expandida em 2022 no mercado de Venture Capital brasileiro – ou seja, ganhou espaço frente a todos os outros segmentos. Em números, no índice ‘Startup Index’ do mesmo relatório, as agritechs cresceram em 240% sua participação no ecossistema brasileiro. O Instituto Brasileiro de Economia, da Fundação Getulio Vargas (FGV-Ibre), calcula que o PIB do setor avançará 8% neste ano, enquanto o brasileiro tem previsão de se manter estagnado. Essa pujância manifesta do agronegócio - em um contexto de aumentos substanciais de custos variáveis de produção - irá demandar cada vez mais soluções tecnológicas para aumentar sua capacidade de gestão.

Pitch completo da empresa

1. PROBLEMA

Em 2016, o então Vice Presidente da Dupont Jim Borel, falou em um congresso de segurança alimentar: “Devemos nos lembrar que nos próximos 40 anos vamos ter que produzir mais alimentos do que nos últimos 10.000 anos combinados”. Isso nos dá uma ideia da exponencialização da agricultura nas próximas décadas.

Mas ainda há desafios dentro da fazenda. Segundo o Instituto Emater cerca de 46% dos químicos aplicados nas lavouras são desperdiçados. Isso se deve a uma gestão agronômica pouco baseada em dados. Essa falta de rastreabilidade e previsibilidade leva a ineficiências que reduzem o potencial de produção e retorno do agricultor. É necessário produzir mais e melhor, com lucro e sustentabilidade.

Somado a isso, o aumento substancial dos custos variáveis de produção nos últimos anos exigem cada vez mais capacidade de gestão do agricultor, gerando demanda constante por implementação de processos e tecnologia. A agricultura de precisão é a maior aliada nessa jornada.

Histórico de preços das principais matérias primas na produção de grãos no Brasil (US$/t). Fonte: Agrinvest.

 

2. MODELO DE NEGÓCIO

Somos uma plataforma SaaS (Software as a Service) para quem busca gestão agronômica de alto nível. Fornecemos a plataforma com uma assinatura anual e preço baseado na quantidade de hectares que o cliente deseja monitorar, e também nos módulos que ele deseja usar (módulo de solos, satélite, drones, colheita etc). Essa precificação geralmente varia de R$8,00/ha/ano a R$15,00/ha/ano.

O fato da monetização estar baseada no tamanho da área do produtor, faz com que  a ferramenta se adapte a todos os portes de produção, fornecendo acesso completo com valores mensais a partir de R$250,00 (agricultores com menos de 250 hectares).

Além dos agricultores, também fornecemos a plataforma para consultorias de agricultura de precisão, que escalam suas operações de coleta de dados e recomendações de insumos com a ferramenta, digitalizando a entrega de resultados para seus clientes agricultores. Hoje cerca de 30% da receita é proveniente dessas consultorias.

Tipos de clientes da Sensix.

A prospecção de grandes produtores de grãos e usinas de cana-de-açúcar é feita a partir de metodologias de vendas que combinam inteligência de mercado, inbound marketing e field sales (vendas a campo). É atualmente o principal modelo de vendas, representando 65% da receita total da empresa. É daqui que virá grande parte do crescimento de MRR da Sensix nos próximos dois anos, impulsionado pela prova social já desenvolvida dentro de grandes grupos que são clientes da Sensix e referências de gestão agrícola no mercado (GGF, Santa Colomba, Schmidt Agrícola, Algar Farming, Pedra Agroindustrial, Nova América, Bioenergética Aroeira etc).

Já consultorias e pequenos produtores são prospectados de forma 100% digital, através de inbound, conta de testes e inside sales. Atualmente qualquer lead pode acessar a plataforma e monitorar até 100 hectares sem custos, facilitando a “levantada de mão” uma vez que o lead está pronto para comprar. Atualmente cerca de 5% da receita da Sensix é proveniente desse tipo de cliente.

Além das assinaturas, também oferecemos alguns processamentos de dados sob demanda, que são análises mais pontuais e menos escaláveis. Funcionam como um add-on na plataforma, cobrado por hectare processado. Dois algoritmos são monetizados com esse modelo: Detecção de Plantas Daninhas e Quantificação de Falhas de Plantio. O valor cobrado para cada processamento é de cerca de R$8,00/ha e são faturados a partir da compra de créditos. É a parte da receita que chamamos de “não recorrente”, e representa hoje 25% da receita total.

Novos drivers de receita para 2023

Na Sensix acreditamos que a tecnologia é apenas uma parte do processo de transformação digital do agronegócio. A tecnologia otimiza processos, e estes processos são desenhados por pessoas.Ter uma gestão agrícola de alto nível requer que as pessoas à frente das decisões tenham conhecimento e mindset para extrair o máximo que a tecnologia pode entregar.

Por isso entendemos que mais do que uma empresa de tecnologia para o agro, somos uma empresa de transformação do agro. Nossas soluções agora aliam tecnologia e know-how, estruturadas em veículos de entrega de valor que se conectam com o agronegócio de maneira assertiva.

Na vertente de know-how, inauguramos recentemente duas iniciativas:

  • Sensix Academy: repositório online de conteúdo audiovisual de alta qualidade sobre gestão e processos em agricultura de alta performance. Serve como base de conhecimento para melhoria contínua dos processos dos nossos clientes e uma nova linha de receita, uma vez que os cursos online são pagos. Semelhante a modelos de negócio como RD University, Reev Academy etc;
  • Assessoria em Gestão de Dados: serviço de assessoria de especialistas Sensix em processos e estruturação de ambientes de decisão orientados a dados para o agronegócio. Aplicando conhecimento dentro do framework tech da Sensix, somos capazes de organizar o ambiente e/ou estruturar do zero processos personalizados com uso de dados para produtores que buscam mais maturidade na gestão.

Enquanto o Sensix Academy populariza e dá acesso às metodologias de gestão agrícola da Sensix, a assessoria de gestão de dados oferece uma abordagem inédita no mercado de como montar ambientes de gestão orientados a dados dentro de fazendas. 

Em um primeiro momento, a assessoria é focada em grandes produtores que já estão mais maduros na adoção de tecnologias, mas ainda precisam de ajuda na estruturação de processos de integração de dados. Com o tempo, pretendemos certificar outras consultorias para que essas atendam produtores menores, e de forma mais regional.

Primeiro curso do Sensix Academy lançado em novembro de 2022.

 

3. MERCADO

Segundo dados da NASA e USGS (United States Geological Survey), a área de agricultura cultivada no mundo é de cerca de 1,87 bilhão de hectares, sendo 40% dessa área presente apenas nos cinco maiores países agrícolas: EUA, Índia, China, Brasil e Rússia.

Na América do Sul, apenas Brasil, Argentina e Paraguai já correspondem a mais de 5% da área plantada no mundo, ultrapassando 100 milhões de hectares cultivados todos os anos.

Sem considerar um aumento expressivo da área plantada, temos um mercado total de US$10 bilhões (TAM) no mundo, sendo US$4 bilhões (SAM) referente à área das principais culturas agrícolas nos cinco países de maior produção (e acesso difundido a tecnologias), e US$700M (SOM) o mercado de médios e grandes produtores na América do Sul e EUA. 

Acima é o que chamamos de mercado “dentro da porteira”, que engloba soluções que facilitam as decisões e geram valor para o dia-a-dia da operação agrícola. Entendemos que, apesar de não ser o foco de roadmap no curto/médio prazo, ter domínio de todos os processos e dados dentro da fazenda faz com que o agricultor tenha capacidade de alavancar geração de valor em operações “fora da porteira”, como o mercado de crédito, carbono (sustentabilidade), seguros etc, que representam um mercado de centenas de bilhões de dólares e que também podem ser acessados futuramente pela nossa tecnologia, gerando ainda mais valor para o nosso cliente.

Concorrência

O mercado de agricultura digital possui muitas plataformas e tecnologias complementares que acabam sombreando algumas funcionalidades, tornando difícil para o agricultor e/ou investidor entender exatamente quais os diferenciais e objetivos de cada uma. Para simplificar esse processo, criamos a metodologia da rota de dados na agricultura digital, classificando as plataformas em 4 categorias principais: Administrativo, Operacional, Agroclimatológico e Agronômico.

A Sensix tem como core business a análise de dados agronômicos, que trata da otimização de uso de insumos e do diagnóstico dos principais fatores que influenciam a produtividade. É no ambiente agronômico que o agricultor gerencia sua receita (produtividade) e a maior parte dos seus custos (fertilizantes, corretivos, sementes e defensivos).

Outra importante observação a se fazer é o quanto deste cenário de gestão cada plataforma atende. É muito comum encontrar plataformas que fazem apenas o monitoramento de satélite, ou apenas processamento de imagens de drones, ou apenas gestão de fertilidade de solos. O grande diferencial da Sensix é ser uma plataforma completa capaz de consolidar e combinar diferentes tipos de informação. Nosso framework se adapta facilmente a dados e metodologias específicas sem exigir personalizações para cada cliente, dando liberdade para usar, por exemplo, qualquer laboratório de análise de solos, equipamento de amostragem, fórmulas de recomendação ou fonte de imagens (drones, satélite X e Y).  Concorrentes não promovem integração e dinamismo para obter um ambiente com diversidade e combinação de dados e processos. Agricultores querem tomar suas decisões de forma integrada e consolidada.

Dito isso, segue alguns concorrentes que compartilham um pouco dessa visão, mesmo que não atendam todo o escopo:

  • Datafarm: plataforma digital nativa do laboratório de análises de solo IBRA, trabalha com foco em gestão de solos (fertilidade, textura nematóides), imagens de satélite e integra algumas estações meteorológicas próprias. É um sistema fechado com pouca integração de dados, só recebe análises de solo se forem feitas pelo IBRA (o FieldScan se integra a qualquer laboratório) e não recomendações criadas a partir de imagens de satélites e drones, apenas a partir de amostras de solo. Também é uma plataforma que não é competitiva com consultorias de agricultura de precisão, pois eles próprios possuem consultores de fertilidade de solos que competem com esses potenciais clientes;
  • Inceres: uma das plataformas mais antigas do mercado, fundada em 2014 por uma consultoria de agricultura de precisão de Piracicaba (SP). Trabalham de forma também focada em gestão de fertilidade de solos, porém vendendo para outras consultorias de agricultura de precisão. Possui uma usabilidade mais complexa, exigindo muito conhecimento do usuário, como códigos de programação para gerar recomendações de fertilizantes, por isso tem baixa adoção diretamente com o produtor, mas alta aderência com consultorias, principalmente devido ao baixo preço. A Inceres também não possui integrações e trabalha com poucas camadas de dados, se restringindo majoritariamente ao trabalho de gestão de solos;
  • Agrian: Uma das primeiras plataformas online de agricultura de precisão do mundo. Fundada em 2004 nos Estados Unidos, possuem uma visão um pouco mais ampla no uso de dados, processando dados de solos, satélite e máquinas (mapas de colheita). Passou por várias transformações de tecnologia e usabilidade ao longo do tempo mas não conseguiram uma boa aderência no Brasil, principalmente devido à disponibilidade de suporte por aqui. Encontramos poucos players que utilizam a ferramenta no Brasil e boa parte foi convertido para a Sensix.

Nenhuma das plataformas acima operam com dados de drones e integração facilitada com sistemas de BI, o que garante mais alguns diferenciais de uso da plataforma FieldScan. 

 

4. A EMPRESA

História

Fundada em 2015, a Sensix nasceu da ideia de transformar dados em decisões no epicentro de um dos maiores mercados agrícolas do mundo. Inicialmente trabalhando com imagens de drones e lançando a primeira plataforma de processamento de dados de drones para agricultura na américa latina em 2017. Egressos do curso de Engenharia Mecatrônica na Universidade Federal de Uberlândia, avaliamos a ideia com amigos e familiares próximos que trabalham no agronegócio e perceberam a grande necessidade de uso de dados mais consistentes para a tomada de decisão sobre manejo de lavouras, que geralmente é planejada a partir de aplicações de insumos calendarizadas, sem levar em conta as características de cada talhão dentro da fazenda. 

Operamos os dois primeiros anos de produto com foco específico em usar drones como uma ferramenta de agricultura de precisão, mas encontramos dois grandes desafios nessa jornada inicial:

  1. Drones são ferramentas que exigem dedicação para operação e são utilizados em situações onde não seria possível utilizar outras ferramentas, como identificação de plantas daninhas ou falhas de plantio (onde é preciso alta resolução);
  2. O fato da necessidade de uso de drones ser sob demanda, não permitia que o modelo de negócios fosse recorrente, já que o produtor usaria a ferramenta de 2 a 3 vezes no ano, e durante os meses de safra.

A partir dessas constatações, em 2019 pivotamos o core do negócio para deixar de ser uma plataforma de drones para agricultura, para se tornar uma plataforma completa de dados para agricultura, gerando valor (ROI) em qualquer momento da jornada de decisão do agricultor ao longo do ano, ou seja, antes da safra, com correção e fertilização de solo, ao longo da safra, com avaliação de desenvolvimento de plantas e aplicação de insumos ao longo do ciclo, e depois da safra, com o mapeamento de produtividade com alta precisão. Dessa forma, quebramos o ciclo de sazonalidade de entrega de valor da plataforma e inauguramos em 2020 um modelo de negócio recorrente SaaS, se adaptando a diversos perfis de produtor e potencializando o ROI da ferramenta, já que agora atuamos de forma direta também em fertilizantes, corretivos e sementes.

Linha do tempo

  • 2015: Início da validação de uso de drones na agricultura;
  • 2016: Primeiros clientes relevantes que passam a contratar voos de drones para monitorar e diagnosticar lavouras: Sementes Adriana, Rural Técnica e Meta Consultoria;
  • Abril/2017: Entramos para o primeiro programa ScaleUP Endeavor em parceria com o Grupo Algar. No mesmo mês conquistamos a Algar Farming como clientes;
  • Nov/2017: Algar Ventures entra como investidor early stage na Sensix após o programa de aceleração da Endeavor. No mesmo mês foi lançada a plataforma FieldScan, primeira no mercado com foco em processamento de dados de drones para a agricultura;
  • Abril/2018: Entramos no mercado de cana-de-açúcar com algoritmo que quantifica falhas de plantio e automatiza piloto automático de colhedoras de cana a partir de imagens de drones;
  • Julho/2019: Lançamento do algoritmo de detecção de plantas daninhas a partir de imagens de drones para recomendar aplicação localizada de herbicidas, gerando uma economia direta de até 80% do insumo;
  • Outubro/2019: Lançamento do módulo de monitoramento por satélite, primeira linha de receita recorrente SaaS da Sensix;
  • Janeiro/2020: Domo Invest e Silver Angels entram como investidores na Sensix, comprando a tese de geração de receita recorrente a partir do modelo SaaS;
  • Janeiro/2021: Lançamento oficial do módulo de Solos, segundo módulo de receita recorrente da Sensix;
  • Maio/2021: Lançamento do módulo de máquinas do FieldScan, terceiro módulo recorrente do FieldScan e atingimento do Product-Market-Fit;
  • Nov/2021: Aporte adicional da Domo Invest e Silver Angels após atingimento das metas de product-market-fit. Nesse momento a receita recorrente já representava mais de 75% da receita total;
  • Mar/2022: Forte estruturação no time e todas as lideranças. Contratação dos líderes de RH, Vendas, Marketing e Sucesso do Cliente;
  • Dez/2022: Receita recorrente dobra novamente, atingindo uma expansão de 37,50% da receita apenas considerando upsells, forte indicativo de product-market-fit.

Evolução de Resultados

  • 2019: 118 mil hectares com R$579 mil de receita;
  • 2020: 255 mil hectares com R$745 mil de receita;
  • 2021: 760 mil hectares com R$971 mil de receita;
  • 2022: 837 mil hectares com R$1,7 milhão de receita.

Equipe

Atualmente somos uma equipe de 35 pessoas com lideranças de áreas muito bem definidas. A expertise complementar de produto, mercado e tecnologia da equipe formam uma execução que tem nos diferenciado no mercado nos últimos anos.

Investidores

Somos apoiados por firmas de venture capital, empresas e investidores-anjo que acreditam na nossa caminhada e crescimento. São eles:

  • Domo Invest: um dos fundos de venture capital mais ativos da América Latina, fundado por gestores que prosperaram como empreendedores, tendo fundado empresas como o Buscapé no Brasil. A equipe também esteve dentre os primeiros investidores em startups de renome como Loggi, Gympass, Hotmart, Descomplica, Quero Educação, entre outros;
  • Silver Angels: grupo de investidores-anjos formado por executivos e empresários experientes de setores diversos. São focados em smart-money e, assim como a Domo, investiram em duas rodadas seguidas na Sensix;

Matéria anunciando o aporte da Domo e Silver Angels na Sensix.

  • Algar Ventures: braço de inovação e Corporate Ventures Capital no Grupo Algar, um grupo diversificado que atua nos setores de TIC, Entretenimento e Agro e possui mais de R$3,4 bilhões em receita líquida.

 

ATUALIZAÇÃO [10/04]: a rodada foi majorada para R$ 4 milhões. Com isso, alguns documentos sofreram alterações: Houve alteração significativa da Nota Conversível. Recomendamos a leitura, com atenção, do documento antes de decidir sobre seu investimento; Projeções Financeiras; Ato Deliberativo de Aprovação da Captação; Informações essenciais da oferta; e Pitch Deck. Sempre bom lembrar: nunca invista antes de entender as informações essenciais da oferta.

Equipe

Carlos Ribeiro

CEO

Formado em Engenharia Mecatrônica pela Universidade Federal de Uberlândia (Brasil), e especializado em microeletrônica na ENSIAME (Valencienne - France). Experiência de 12 anos em construção de negócios digitais e especialista em agricultura de precisão e digital. Fundou a Sensix em 2015, endereçando a otimização de processos agronômicos a partir do uso de dados de drones, satélites, máquinas e solo.

Thomaz Lemos

COO

Graduado em Engenharia Mecatrônica pela Universidade Federal de Uberlândia e ENSMM (Besançon - França). Especialista em gestão de qualidade e projetos. Co-fundador da Sensix e responsável pelo planejamento financeiro e operacional.

Gabriela Barreto

CPO

Formada em Engenharia Mecatrônica pelo Universidade Federal de Uberlândia Université de Technologie de Belfort Montbéliard (Montbéliard - França) e participou de projetos na área de tribologia antes de ingressar na Sensix, sendo atualmente responsável pela gestão de talentos e cultura ágil da empresa, gerenciando e orientando uma crescente equipe de devs e agrônomos no desenvolvimento de nossas soluções.

Eberton Dias

CTO

Formado em Sistemas de Informação pela Universidade Federal de Uberlândia. Responsável pela criação, manutenção e aprimoramento da estrutura de nuvem da empresa, encarregado da implantação de novas versões de software e líder técnico da equipe de desenvolvimento. Experiência em gerência de projetos, machine learning e cloud computing.

Augusto Rivera

CIO

Formado em Engenharia Mecatrônica na Universidade Federal de Uberlândia. Especialista em DevOps e gestão de projetos. Atualmente responsável pela manutenção e desenvolvimento de algoritmos de processamento, estrutura backend e gestor técnico de roadmap de produto.

R$ 1.000 de investimento mínimo

As sociedades empresárias de pequeno porte e as ofertas apresentadas nesta plataforma estão automaticamente dispensadas de registro pela Comissão de Valores Mobiliários - CVM. A CVM não analisa previamente as ofertas.

As ofertas realizadas não implicam por parte da CVM a garantia da veracidade das informações prestadas, de adequação à legislação vigente ou julgamento sobre a qualidade da sociedade empresária de pequeno porte. Antes de aceitar uma oferta leia com atenção as informações essenciais da oferta, em especial a seção de alertas sobre riscos.

Oportunidades que também podem te interessar

Selecionamos outras startups com alto potencial de retorno com base no seu segmento de interesse.

Contbank

"O Contbank utiliza contadores e IA para revolucionar o acesso à crédito para micro, pequenas e médias empresas. A fintech é um banco digital que oferece uma experiência única para MPEs, oferecendo crédito a..."

Simple&Co

"Foodtech que aproveita a capacidade já instalada de restaurantes para construir a maior plataforma de marcas virtuais de alimentação da América Latina."

Cowmed

"Já pensou como seria a produção de leite se as vacas falassem? A Cowmed é uma empresa especializada em dar voz às vacas: desenvolveu uma coleira capaz de monitorar em tempo real tudo que elas fazem ao longo..."

Datasales

"A Datasales é uma plataforma SaaS de automação de marketing end-to-end para supermercados, açougues, hortifrutis, farmácias e outros negócios de recorrência."

Retailtech
Zenit

"O Zenit é um app de práticas de saúde integral e mudança de hábitos. A healthtech já ultrapassou os 40 mil assinantes ativos na modalidade de venda direta ao consumidor (B2C) e começa a tracionar o modelo d..."

Healthtech
Ciclo Orgânico

"Maior serviço de coleta de resíduos orgânicos para compostagem por assinatura do Brasil."

Cleantech
Auster

"A Auster é uma agritech especializada em recomendação de fertilizantes nitrogenados, que hoje correspondem a mais da metade de todo o fertilizante produzido no mundo."

Sensix

"A Sensix reduz em até 70% os custos com químicos e fertilizantes e aumenta em 20% a produtividade das lavouras, integrando dados de drones, satélites, amostras de solo, chuva, produtividade e maquinários e ..."

Recicla.Club

"A Recicla.Club é a primeira startup de gestão de resíduos por assinatura do Brasil. Com a solução, empresas podem terceirizar todas as atividades relacionadas a resíduos assinando um único plano. Atende gra..."

Cleantech
InovaPictor

"Automatiza o registro de marcas e patentes de forma acessível e simplificada."

Legaltech
Leigado

"Agtech que desenvolveu um sistema completo de gestão da propriedade para redução de custos e aumento da produtividade da cadeia leiteira."

Capital Empreendedor

"Marketplace de crédito empresarial que nasceu para democratizar o empréstimo para o micro, pequeno e médio empresário."

Serall

"Startup que desenvolveu tecnologia proprietária baseada em nanomateriais para desenvolver polímeros para atender as demandas das indústrias 4.0."

Indústria 4.0
Digital Aligner

"Healthtech DNVB que promove acesso, com custo menor, a tratamentos dentários com alinhadores transparentes, inclusive via assinatura."

Healthtech
Health ID

"Plataforma de saúde preventiva através de At Home Lab Tests que permite fazer diversos check-ups de saúde com poucas gotas de sangue."

Healthtech
Mercado Radar

"Startup de modelo SaaS que faz os vendedores do Mercado Livre venderem mais"

Retailtech
Quadrado Express

"Retailtech que oferece implantação e tecnologia de micromarkets para condomínios."

Retailtech
Hiperdados

"Proptech/construtec SaaS que aumenta a rentabilidade e eficiência de empresas de incorporação imobiliária e construção civil."

Veriza

"Fintech que oferece microcrédito para grupos de microempreendedores de forma 100% digital."

IFriend

"Traveltech que oferece experiências turísticas conectando viajantes e guias turísticos do mundo inteiro."

Traveltech
Pomartec

"SaaS para fruticultura de precisão, simplificando a gestão de pomares, reduzindo perdas e aumentando a sua produtividade."

Play2Sell

"Salestech/edtech que aumenta a conversão de vendas das empresas através de treinamentos gamificados para o time comercial."

Salestech
Novidade
Popular
RECICLI

"A RECICLI atua com reciclagem de resíduos de equipamentos eletroeletrônicos através de manufatura reversa, com automação em desenvolvimento. A planta piloto está sendo desenvolvida em parceria com gigantes:..."

Cleantech
Vacinas.net

"A Vacinas.net é a solução do problema da vacinação corporativa, conectando empresas que precisam vacinar colaboradores em todo Brasil à maior e mais capilarizada rede de clínicas de vacinação do país. Com c..."

Healthtech
RedCheck

"A RedCheck é uma healthtech que utiliza inteligência artificial para reduzir o tempo de análise, o custo e aumentar a precisão dos diagnósticos oftalmológicos. Através da sua plataforma web, clínicas e hos..."

Healthtech

Dúvidas frequentes

Para viabilizar o seu investimento, será utilizado um contrato de nota conversível em ações. Esse contrato é muito comum no mundo empresarial e amplamente reconhecido juridicamente.
O investimento em participação em empresas sempre envolve risco, seja nas iniciantes, nas escaláveis ou até mesmo nos grandes negócios que já estão na bolsa de valores. Por outro lado, podem ser muito rentáveis. Dessa maneira, é necessário mensurar corretamente o risco e entender de forma clara quais as variáveis que impactam o seu investimento. Seu investimento pode resultar em uma das seis possibilidades a seguir: 1. Você decide vender sua participação no Captable Marketplace. 2. A empresa da qual você é investidor é comprada por outra antes de completar 5 anos da data do seu investimento. Nesta situação, você receberá a sua parte, proporcional ao percentual investido. 3. Sua empresa recebe um novo aporte e você poderá ser diluído. Lembrando que isso é bastante comum no mundo das startups, e não deve ser considerado algo negativo, pois por mais que você seja diluído, o fato de receber um novo aporte provavelmente aumentará o valor da empresa e, consequentemente, sua participação. Nessa situação, é bastante provável (a serem preenchidos alguns pré-requisitos estabelecidos no material da oferta), que a empresa seja transformada em uma S/A, e sua nota será convertida em ações. Assim, você passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio. 4. Após o prazo de 5 anos obrigatoriamente a empresa se transforma em S/A. Sua nota será convertida em ações e você passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio. 5. Você opta por receber seu investimento corrigido por um percentual pré-definido do CDI (percentual informado no material da oferta). 6. Empresa quebra e seu investimento se perde. Investir em empresas escaláveis é arriscado, e esse cenário deve ser considerado. Entretanto, utilizamos de vários artifícios para mitigar a chance de isso ocorrer.
Como forma de aumentar as chances de que os negócios nos quais você vai investir sejam bem sucedidos, somente aceitamos empresas que já tenham superado o MVP (Minimum Viable Product ou Produto Mínimo Viável) ou seja, empresas que já modelaram e validaram o seu produto/serviço no mercado e atestaram a existência de demanda, já possuindo uma base clientes. Em outras palavras, são aceitas apenas empresas cujo produto ou serviço é comprovadamente desejado pelo mercado, e que necessitam de capital para investir nas novas etapas do desenvolvimento do negócio. Depois de superar esta primeira etapa, é fundamental que ela seja aprovada por um de nossos escritórios de contabilidade parceiros. Desta forma, garantimos que a contabilidade da empresa está correta e que os dados apresentados são verdadeiros. Além disso, ajudará a validar e garantir que a prestação de contas pós-captação seja sempre atualizada. A partir dessas etapas, poderemos medir o potencial do negócio, bem como trazer mais segurança para o investidor. Somente após superar esse processo de avaliação a empresa poderá participar da Captable e arrecadar recursos junto aos nossos usuários. Além disso, este processo gerará um laudo de avaliação sobre a contabilidade da empresa este estará disponível publicamente na página de captação.
Através da Captable, você tem acesso a empresas previamente selecionadas, com potencial de crescimento e valorização já testados pelos nossos parceiros. Você tem a possibilidade de obter alto retorno através do investimento em títulos conversíveis em participação das companhias. Na Captable, os valores mínimos de investimento são menores do que em outras modalidades de investimento em startups. Assim, não é necessário possuir alto patrimônio para obter uma participação. Além disso, você ganha a possibilidade de dividir o seu capital disponível para investimento entre várias empresas, fomentar diferentes negócios e mitigar o seu risco através da diversificação. Por fim, você acompanha indicadores de performance dos seus negócios em um dashboard único, o que facilita o monitoramento das suas empresas e a gestão do seu portfólio de participações.
É uma das possibilidades. Das 5 opções de resultado do seu investimento, em duas delas você se torna sócio de uma empresa S/A: Após o prazo de 5 anos obrigatoriamente a empresa se transforma em S/A. Você converterá a sua nota em ações e passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio. Sua empresa recebe um novo aporte e você poderá ser diluído. Lembrando que isso é bastante comum no mundo das startups, e não pode ser considerado algo negativo, pois por mais que você seja diluído, o fato de receber um novo aporte provavelmente estará aumentando o valor da empresa e, consequentemente, apreciando a sua participação. Nesta situação, é bastante provável (a serem preenchidos alguns pré-requisitos estabelecidos no material da oferta), que a empresa seja transformada em uma S/A, e você converterá sua nota em ações. Assim, você passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio.
Por motivos de segurança do investimento, a conta bancária responsável pela custódia dos valores durante o período de captação não é operada nem pela Captable e nem pela startup em captação, e sim por uma instituição de pagamentos, a qual atua como um agente independente neste processo. Por conta disso, as confirmações de recebimento dos valores estão sujeitas aos relatórios enviados pela instituição de pagamentos, o que ocorre periodicamente. Dessa forma, consideramos o prazo de 2 dias úteis para aprovar o seu depósito. Se a sua transferência ainda está dentro deste período, por favor aguarde.
Não. O risco do investimento limita-se ao capital investido. Num primeiro momento, você é um credor da startup, não tendo responsabilidade sobre eventuais dívidas da empresa. Você somente se tornará sócio da empresa quando esta virar uma S/A, fato que protege o investidor, já que o máximo que será requerido do investidor será o valor de sua participação na empresa (o mesmo que ocorre em investimentos na Bolsa de Valores).
Sim, todo o processo de investimento é on-line. São apenas 4 passos para concluir a sua reserva. Depois, basta você realizar um PIX/TED/DOC de uma conta de sua titularidade, no valor reservado. Após isso, esperar até dois dias úteis para que o seu depósito seja validado. Por último, depois de concluída a captação você receberá em seu e-mail a orientação para assinatura do contrato de investimento, que será online também. O contrato ficará disponível após assinatura no nosso painel do investidor que também é onde ocorre o acompanhamento da startup, com alguns indicadores que serão atualizados mensalmente e outros semestralmente.
Não, você não terá que se envolver. Você é apenas um investidor e receberá as informações do que está acontecendo via painel do investidor.
Caso a startup atinja ⅔ da meta, a captação já será considerada bem sucedida e, mesmo que a startup não atinja a íntegra da meta de captação, ao final da captação os títulos de investimento serão emitidos e o valor será repassado para a startup. Caso a captação chegue à sua data limite com menos de ⅔ captados, ela não será considerada bem-sucedida, e a Captable devolverá o dinheiro dos investidores que já tiverem feito os aportes. Neste caso, o prazo para devolução dos recursos é de 5 dias após o término da captação.