Veriza

A Veriza é uma fintech que oferece microcrédito para grupos de microempreendedores de forma 100% digital. Utilizamos o aval solidário digital que viabiliza o acesso desses microempreendedores ao crédito. O aval solidário reduz de forma importante a inadimplência quando comparada com a inadimplência de crédito individual.

Fintech
Resumo

Resumo da empresa

A Veriza é uma fintech que oferece microcrédito para grupos de microempreendedores de forma 100% digital. Utilizamos o aval solidário digital que viabiliza o acesso desses microempreendedores ao crédito. O aval solidário reduz de forma importante a inadimplência quando comparada com a inadimplência de crédito individual.

Pitch completo da empresa

A Veriza é primeira fintech a oferecer microcrédito em grupo para microempreendedores de forma totalmente digital. Temos um modelo escalável que pode atingir todo o Brasil e América Latina. Nosso modelo é mais eficiente do que os modelos atuais de microcrédito em grupo que possuem processos muito manuais com altos custos e dificuldade de expansão. Nosso produto tem alta margem, resultado dos baixos custos e da baixa inadimplência.

Captura-de-Tela-2021-06-08-s-13-32-19

Captura-de-Tela-2021-06-08-s-13-46-21

 

1. Problema

Os microempreendedores, em sua maioria, são informais e com pouco histórico no sistema financeiro. Em função disso, têm muita dificuldade de acesso a crédito. Eles são invisíveis aos bancos. Se eventualmente conseguem acesso a crédito, sofrem com taxas de juros exorbitantes, demora e burocracia.

Captura-de-Tela-2021-06-08-s-13-27-21

 

2. Modelo de Negócio

Evolução do produto

Captura-de-Tela-2021-06-08-s-13-27-54

Como funciona

O microempreendedor acessa nossa plataforma de crédito em grupo via aplicativo ou site, faz simulações de empréstimo, depois convida pelo aplicativo outros microempreendedores que fazem parte do seu convívio social (amigos, vizinhos, colegas de atividade empreendedora). Esses convidados devem aceitar o convite enviado ao celular deles. Todos fazem o cadastro e mandam fotos dos documentos. A Veriza avalia o risco de crédito do grupo e faz pelo menos uma entrevista para checar o vínculo dos membros do grupo. No caso de aprovação do crédito, os membros do grupo assinam conjuntamente e de forma digital uma cédula de crédito bancário (aval solidário). Todos são corresponsáveis pelo empréstimo total feito ao grupo.

Captura-de-Tela-2021-06-08-s-13-30-22

Slide-veriza-app

Perfil dos microcréditos

Captura-de-Tela-2021-06-11-s-15-03-53

Como monetiza

A Veriza entrega para uma instituição financeira um grupo de microcrédito com avaliação de crédito feita e recebe uma comissão por isso. Essa remuneração varia de instituição para instituição. As comissões representam em média 10% do valor total emprestado. Além das comissões pela operação de crédito, a Veriza vai receber comissões pela venda de produtos de seguros de vida e acidentes pessoais. 


3. Mercado

Segundo dados do IBGE, o Brasil possui mais de 30 milhões de microempreendedores informais. Esses microempreendedores têm grande dificuldade de acesso a crédito. Esses microempreendedores demandam bilhões em microcrédito. Somente o programa Crediamigo do Banco do Nordeste emprestou mais de R$ 12 bilhões em microcrédito durante o ano de 2020. 

Captura-de-Tela-2021-06-08-s-13-31-12

Estamos falando de um “oceano azul”, microempreendedores com grande dificuldade de acesso a crédito em função da informalidade e do pouco histórico no sistema financeiro. O Crediamigo é um concorrente bem estabelecido com uma presença restrita ao nordeste com uma operação muito manual. Nas demais regiões, os concorrentes são financeiras, alguns bancos e até mesmo agiotas. 

Não existem iniciativas de microcrédito em grupo totalmente digital. Analisamos diferentes operações de microcrédito em grupo no Brasil e em outras partes do mundo. O renomado Banco do Povo de Bangladesh, liderado pelo Prêmio Nobel Muhammad Yunnus, o Banco Compartamos, no México e o Crediamigo foram grandes inspirações. Analisamos o Crescer da Caixa Econômica Federal, o Movera do Banco do Brasil e o Prospera ligado ao Banco Santander. Avaliamos ainda operações de crédito individual para o nosso público, como é o caso da Avante.  


4. A Empresa

História

No segundo semestre de 2019, a Veriza começou um trabalho de product discovery com objetivo de avaliar o melhor produto de crédito para microempreendedores. A ideia era trabalhar sobre um projeto de grande impacto sobre a sociedade. Um projeto com muito propósito. Montamos um time entre Veriza, dois consultores da empresa Kleer, de Buenos Aires e ainda consultores da Empresa Junior Grupo Gestão, da UNB. Foram meses de trabalho, entrevistas e testes de protótipos até chegar a um modelo de produto que pudesse ser desenvolvido.

Com o protótipo pronto começamos o processo de desenvolvimento de uma landing page e do nosso aplicativo. Trabalhamos utilizando metodologias ágeis e organizamos nossas entregas através de sprints. Nossa landing page foi colocada no ar ainda no primeiro semestre de 2020. Em seguida, colocamos no ar nosso aplicativo para Android. Começamos a fazer ações de marketing digital com objetivo de trazer leads para nossa solução. Já em julho de 2020, depois de fechar um acordo de correspondente bancário com a financeira BIORC, começamos a realizar as primeiras operações de microcrédito em grupo. 

Linha do Tempo

2º semestre de 2019:

  • Começamos o trabalho de product discovery.

1º semestre de 2020:

  • Criação da empresa;
  • Lançamento do aplicativo para Android e landing page.

2º semestre de 2020:

  • Começamos a operar com microcrédito;
  • Fomos acelerados pela Cotidiano;
  • Convênio com a Fundação Assis Chateaubriand para o Programa Todas Elas, que trabalha na formação de mulheres empreendedoras;
  • Convênio com o programa de educação financeira Não Sou Gabriela.

1º semestre de 2021:

  • Aceleração pela Ventures, da Google;
  • Lançamento do app para IOS.

Resultados

Com objetivo de provar nossa tese, começamos, com recursos próprios, a operar no segundo semestre de 2020 e fizemos nossas primeiras 30 operações. Nos primeiros meses de 2021 fizemos mais 100 operações. Temos uma plataforma de empréstimos em grupo pronta para escalar e atender a forte demanda dos microempreendedores por crédito.

Equipe

A Veriza conta com os sócios Juvencio Braga como seu fundador e CEO, Flávio Alves como CTO e César Martins como head comercial e principal responsável pela formação de parcerias. Além de uma equipe que compõe as áreas de Análise de risco, design de produto, desenvolvimento e marketing digital.

Visão

Acreditamos que com propósito e muita tecnologia podemos ajudar a vida dos milhões de microempreendedores brasileiros que precisam de crédito para desenvolver suas atividades. Nossa iniciativa vai transformar o mercado de microcrédito no Brasil. Queremos ainda alcançar o mercado latino-americano e ser maior operação de microprodutos financeiros da América Latina.

 

5. Plano de Expansão

  • A Veriza quer buscar parcerias com instituições financeiras (IFs) com objetivo de gerar  funding para nossas operações de microcrédito. Além de IFs podemos buscar recursos de fundos de direitos creditórios (FDICs), buscar inclusive montagem de FDICs exclusivos. Nosso objetivo é receber ainda recursos de fundos dedicados a inicitivas ESG;
  • Usamos marketing digital para trazer leads (microempreendedores) para a nossa solução. Fazemos campanhas em Facebook, Instagram e Google ADS;
  • Fazemos parcerias, a exemplo do que fizemos com a Fundação Assis Chateaubriand. Estamos buscando parcerias com feiras, associações e shoppings populares;
  • Estamos trabalhando ainda com orientadoras de microcrédito que já tiveram carteira de clientes de microcrédito no passado. A experiência dessas orientadoras é de que o uso da nossa ferramenta aumenta em muito a produtividade do trabalho desenvolvido por elas;
  • Em função da nossa atuação digital, já temos clientes em estados do sul ao norte do país, mas nossa atuação nesse momento está focada sobre DF e entorno. Queremos já a partir do 1º semestre de 22 expandir de forma sistemática a ação sobre outras regiões do Brasil;
  • Ações na mídia social com objetivo de criar tração;
  • Venda de seguros.

Equipe

Juvencio Braga

CEO

Mestrado em Economia pela EPGE/FGV. Foi CEO da CNP Seguros de Vida em Buenos Aires, Argentina. Foi Diretor Executivo da Caixa Vida & Previdência. Toda a carreira ligada a finanças, investimento e risco.

Flávio Alves

CTO

Dedicou boa parte de sua carreira à projetos de Pesquisa & Desenvolvimento de novos produtos no Brasil e na Europa. É fundador do Novatics, um estúdio de design e desenvolvimento de software que ajuda empresas de todo o mundo na criação de produtos digitais e na adoção de Lean e Ágil.

Cesar Martins de Castro

Líder Comercial

Conta com mais de 25 anos de experiência profissional no desenvolvimento de negócios de soluções e serviços de tecnologia da informação, para organizações governamentais e privadas. Construiu uma carreira de sucesso em grandes corporações multinacionais, tais como SIEMENS (UNIFY), ORACLE, CISCO e ALCATEL-LUCENT.

R$ 1.000 de investimento mínimo

As sociedades empresárias de pequeno porte e as ofertas apresentadas nesta plataforma estão automaticamente dispensadas de registro pela Comissão de Valores Mobiliários - CVM. A CVM não analisa previamente as ofertas.

As ofertas realizadas não implicam por parte da CVM a garantia da veracidade das informações prestadas, de adequação à legislação vigente ou julgamento sobre a qualidade da sociedade empresária de pequeno porte. Antes de aceitar uma oferta leia com atenção as informações essenciais da oferta, em especial a seção de alertas sobre riscos.

Oportunidades que também podem te interessar

Selecionamos outras startups com alto potencial de retorno com base no seu segmento de interesse.

Popular
LovinWine

DNVB de vinhos premium em lata que podem ser desfrutados como e onde o cliente quiser. Conta com um board qualificado com integrantes ex-Safe Park, Sam's Club, Abril, XP, StartSe, Yuool, Warren e Heineken.

Categoria 1
Popular
Mercado Radar

Startup de modelo SaaS que faz os vendedores do Mercado Livre venderem mais - através de análise de mercado, recomendações e automação.

Categoria 1
Popular
Food to Save

foodtech ESG que transforma o desperdício de alimentos em oportunidades de negócio através da entrega via app de sacolas surpresa.

Categoria 1
Popular
Health ID

plataforma de saúde preventiva através de At Home Lab Tests que permite fazer diversos check-ups de saúde com poucas gotas de sangue.

Categoria 1
Popular
Play2Sell

salestech/edtech que aumenta a conversão de vendas das empresas através de treinamentos gamificados para o time comercial.


Categoria 1
Popular
Veriza

fintech que oferece microcrédito para grupos de microempreendedores de forma 100% digital.


Categoria 1
Digital Aligner

healthtech DNVB que promove acesso, com custo menor, a tratamentos dentários com alinhadores transparentes, inclusive via assinatura.

Categoria 1

Dúvidas frequentes

Para viabilizar o seu investimento, será utilizado um contrato de nota conversível em ações. Esse contrato é muito comum no mundo empresarial e amplamente reconhecido juridicamente.
O investimento em participação em empresas sempre envolve risco, seja nas iniciantes, nas escaláveis ou até mesmo nos grandes negócios que já estão na bolsa de valores. Por outro lado, podem ser muito rentáveis. Dessa maneira, é necessário mensurar corretamente o risco e entender de forma clara quais as variáveis que impactam o seu investimento. Seu investimento pode resultar em uma das cinco possibilidades a seguir: 1. A empresa da qual você é investidor é comprada por outra antes de completar 5 anos da data do seu investimento. Nesta situação, você receberá a sua parte, proporcional ao percentual investido. 2. Sua empresa recebe um novo aporte e você poderá ser diluído. Lembrando que isso é bastante comum no mundo das startups, e não deve ser considerado algo negativo, pois por mais que você seja diluído, o fato de receber um novo aporte provavelmente aumentará o valor da empresa e, consequentemente, sua participação. Nessa situação, é bastante provável (a serem preenchidos alguns pré-requisitos estabelecidos no material da oferta), que a empresa seja transformada em uma S/A, e sua nota será convertida em ações. Assim, você passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio. 3. Após o prazo de 5 anos obrigatoriamente a empresa se transforma em S/A. Sua nota será convertida em ações e você passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio. 4. Você opta por receber seu investimento corrigido por um percentual pré-definido do CDI (percentual informado no material da oferta). 5. Empresa quebra e seu investimento se perde. Investir em empresas escaláveis é arriscado, e esse cenário deve ser considerado. Entretanto, utilizamos de vários artifícios para mitigar a chance de isso ocorrer.
Como forma de aumentar as chances de que os negócios nos quais você vai investir sejam bem sucedidos, somente aceitamos empresas que já tenham superado o MVP (Minimum Viable Product ou Produto Mínimo Viável) ou seja, empresas que já modelaram e validaram o seu produto/serviço no mercado e atestaram a existência de demanda, já possuindo uma base clientes. Em outras palavras, são aceitas apenas empresas cujo produto ou serviço é comprovadamente desejado pelo mercado, e que necessitam de capital para investir nas novas etapas do desenvolvimento do negócio. Depois de superar esta primeira etapa, é fundamental que ela seja aprovada por um de nossos escritórios de contabilidade parceiros. Desta forma, garantimos que a contabilidade da empresa está correta e que os dados apresentados são verdadeiros. Além disso, ajudará a validar e garantir que a prestação de contas pós-captação seja sempre atualizada. A partir dessas etapas, poderemos medir o potencial do negócio, bem como trazer mais segurança para o investidor. Somente após superar esse processo de avaliação a empresa poderá participar da Captable e arrecadar recursos junto aos nossos usuários. Além disso, este processo gerará um laudo de avaliação sobre a contabilidade da empresa este estará disponível publicamente na página de captação.
Através da Captable, você tem acesso a empresas previamente selecionadas, com potencial de crescimento e valorização já testados pelos nossos parceiros. Você tem a possibilidade de obter alto retorno através do investimento em títulos conversíveis em participação das companhias. Na Captable, os valores mínimos de investimento são menores do que em outras modalidades de investimento em startups. Assim, não é necessário possuir alto patrimônio para obter uma participação. Além disso, você ganha a possibilidade de dividir o seu capital disponível para investimento entre várias empresas, fomentar diferentes negócios e mitigar o seu risco através da diversificação. Por fim, você acompanha indicadores de performance dos seus negócios em um dashboard único, o que facilita o monitoramento das suas empresas e a gestão do seu portfólio de participações.
É uma das possibilidades. Das 5 opções de resultado do seu investimento, em duas delas você se torna sócio de uma empresa S/A: Após o prazo de 5 anos obrigatoriamente a empresa se transforma em S/A. Você converterá a sua nota em ações e passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio. Sua empresa recebe um novo aporte e você poderá ser diluído. Lembrando que isso é bastante comum no mundo das startups, e não pode ser considerado algo negativo, pois por mais que você seja diluído, o fato de receber um novo aporte provavelmente estará aumentando o valor da empresa e, consequentemente, apreciando a sua participação. Nesta situação, é bastante provável (a serem preenchidos alguns pré-requisitos estabelecidos no material da oferta), que a empresa seja transformada em uma S/A, e você converterá sua nota em ações. Assim, você passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio.
Por motivos de segurança do investimento, a conta bancária responsável pela custódia dos valores durante o período de captação não é operada nem pela Captable e nem pela startup em captação, e sim por uma instituição de pagamentos, a qual atua como um agente independente neste processo. Por conta disso, as confirmações de recebimento dos valores estão sujeitas aos relatórios enviados pela instituição de pagamentos, o que ocorre periodicamente. Dessa forma, consideramos o prazo de 2 dias úteis para aprovar o seu depósito. Se a sua transferência ainda está dentro deste período, por favor aguarde.
Não. O risco do investimento limita-se ao capital investido. Num primeiro momento, você é um credor da startup, não tendo responsabilidade sobre eventuais dívidas da empresa. Você somente se tornará sócio da empresa quando esta virar uma S/A, fato que protege o investidor, já que o máximo que será requerido do investidor será o valor de sua participação na empresa (o mesmo que ocorre em investimentos na Bolsa de Valores).
Sim, todo o processo de investimento é on-line. São apenas 4 passos para concluir a sua reserva. Depois basta você realizar um DOC/TED pelo seu home banking do valor reservado. Após isso, esperar até dois dias úteis para que o seu depósito seja validado. Por último, depois de concluída a captação você receberá em seu e-mail a orientação para assinatura do contrato de investimento, que será online também. O contrato ficará disponível após assinatura no nosso painel do investidor que também é onde ocorre o acompanhamento da startup, com alguns indicadores que serão atualizados mensalmente e outros semestralmente.
Não, você não terá que se envolver. Você é apenas um investidor e receberá as informações do que está acontecendo via painel do investidor.
Caso a startup atinja ⅔ da meta, a captação já será considerada bem sucedida e, mesmo que a startup não atinja a íntegra da meta de captação, ao final da captação os títulos de investimento serão emitidos e o valor será repassado para a startup. Caso a captação chegue à sua data limite com menos de ⅔ captados, ela não será considerada bem-sucedida, e a Captable devolverá o dinheiro dos investidores que já tiverem feito os aportes. Neste caso, o prazo para devolução dos recursos é de 7 dias úteis após o término da captação.