Zletric

A Zletric é uma solução inteligente para recarga de veículos elétricos e híbridos, que fornece energia por meio de uma rede que abrange espaços comerciais e residenciais, resolvendo as principais dores de recarga em condomínios e locais de rotina dos motoristas. São mais de 100 estações instaladas e mais de 300 previstas até o final do ano, em diferentes estados do Brasil.

Energy as a service
Resumo

Resumo da empresa

A Zletric é uma solução inteligente para recarga de veículos elétricos e híbridos, que fornece energia por meio de uma rede que abrange espaços comerciais e residenciais, resolvendo as principais dores de recarga em condomínios e locais de rotina dos motoristas. São mais de 100 estações instaladas e mais de 300 previstas até o final do ano, em diferentes estados do Brasil.

Pitch completo da empresa

O mercado internacional de carros elétricos dá indícios da força da tendência que, em breve, deve ganhar tração por aqui. A Tesla, companhia americana de carros elétricos de Elon Musk, vendeu, somente em 2020, quase 500 mil veículos. Segundo a Agência Internacional de Energia (IEA), já são mais de 10 milhões de carros elétricos rodando pelo mundo - um aumento de 41% somente em 2020.

Ter um carro elétrico no Brasil pode parecer um sonho distante, mas 2020 foi o melhor ano da eletromobilidade no Brasil, 2021 está sendo ainda melhor: no primeiro semestre deste ano foram vendidos 13899 veículos elétricos e híbridos no Brasil, um aumento de 29,4% comparado a 2020. Além da popularização dos veículos, outro problema é recorrente para quem deseja entrar de cabeça no mundo da mobilidade elétrica: as recargas.

Pelo menos 60% a 70% das recargas ocorrem em casa, mas para quem vive em um condomínio, é inviável instalar um carregador na rede elétrica da garagem, geralmente compartilhada com todos os condôminos. Para prédios comerciais ou públicos que desejam oferecer estações de recarga o problema é outro: os equipamentos geralmente têm valor elevado e possuem alguns padrões diferentes de recarga, o que acaba confundindo quem quer oferecer a comodidade.

As estimativas indicam que até 2030 o Brasil terá 2 milhões de veículos elétricos. Antes dos carros, porém, a rede de recarga precisa ser construída - podendo inclusive ser um acelerador na adoção dos carros elétricos - necessitando de 2 a 30 milhões de pontos de recarga até 2030. A Zletric oferece soluções de recarga de veículos elétricos para residências, pontos comerciais e públicos.

 

Bem-vindos ao movimento #EspalheOVerde

Nosso objetivo? Ser a maior rede de recarga para veículos elétricos do Brasil. Para isso, precisamos de parceiros que percebam o potencial do mercado e queiram construir juntos essa trajetória de sucesso.

 

1. PROBLEMA

Mais de 50.000 carros elétricos já circulam no Brasil e a expectativa é de que o número se eleve para 2 milhões em 2030, segundo a ABVE. A Zletric já está se preparando para atender a demanda e disponibilizar recarga para esses veículos, facilitando a rotina de quem escolhe um estilo de vida mais consciente, econômico e sustentável.

Z-Captable-Gr-fico-1

Um levantamento da ABVE apontou que o número de eletropostos em 2021 teve alta de 50,8% em apenas três meses, passando de 500, em março, para 754, em julho. Apesar do avanço, o número ainda é muito baixo e o esforço para ampliar a infraestrutura de recarga deve ser constante. Foi com esse objetivo, de espalhar cada vez mais energia, que a Zletric nasceu.

Comparando a atual frota brasileira de elétricos e híbridos com a de outros países, a quantidade de postos de recarga no país é insuficiente. Temos como exemplo os Estados Unidos em 20211/12: quando a frota estava semelhante à atual do Brasil (50 mil veículos), a quantidade de estações era de aproximadamente 3 mil. 

Z-Captable-Gr-fico-2

O que algumas pessoas vêem como um problema, a Zletric vê como um desafio. E mais ainda, uma oportunidade de disparar no mercado, assim como outras startups de sucesso que estiveram à frente do seu tempo.

O Brasil pode ter até 62% de carros elétricos em 2035. A projeção foi feita pela Anfavea e a mudança para frota elétrica vai impactar toda a cadeia produtiva automobilística. O presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes, afirmou que a mudança pede várias adaptações na indústria.

Z-Captable-Gr-fico-3

É nesse investimento que a Zletric está focada, visando proporcionar a maior e melhor rede de recarga para receber todos os avanços desse mercado.

A preocupação sobre onde e como carregar o carro elétrico também é fruto da desinformação a respeito da transformação da mobilidade urbana em elétrica. Por isso, além da melhoria da infraestrutura de recarga para os veículos, em espaços comerciais e residenciais, a Zletric também se preocupa em gerar conteúdo e divulgar conhecimentos sobre o mercado, orientando todos que queiram participar desse futuro, que já é elétrico.

 

2. MODELO DE NEGÓCIO

Como funciona

A Zletric é uma empresa de Energy as a Service. Seu modelo de negócio utiliza a estação de recarga como meio, prestando um serviço de venda de energia diretamente ao proprietário do carro elétrico. A energia é vendida no local onde o motorista está parado (média de tempo que os carros ficam parados é >93%), com uma margem sobre o custo de Energia que foi adquirida de diferentes fontes: renováveis, mercado livre de energia ou do parceiro.

A Zletric atua em duas frentes: residencial, onde o carro elétrico pode ser carregado sem precisar sair de casa, e comercial, com estações de recarga espalhadas em diferentes pontos da cidade, acompanhando a rotina dos usuários. 

O serviço é muito efetivo, tanto para os condomínios residenciais quanto para os comerciais, pelo fato de resolver a questão da recarga retirando deles a responsabilidade pela aquisição, instalação, manutenção e cobrança da energia. De um jeito muito mais rápido, fácil e eficiente.

Z-Captable-Gr-fico-5

A estação Zletric Home é conectada à rede de energia do condomínio e evita a obra custosa de levar uma tomada do box privativo até o apartamento do cliente. De maneira simples, a Zletric individualiza o consumo enviando de forma automática à administradora do condomínio a fatura a ser cobrada de cada morador. Os valores para locação da estação Home iniciam em R$ 169/mês, já inclusos os custos de gerenciamento e billing.

Já nas estações Zletric Network, espalhadas em diversos pontos da cidade, basta apontar o celular para o QR code da estação, escolher o método de pagamento e iniciar a recarga. Baixando o aplicativo Zletric, de forma gratuita e sem custo mensal, é possível visualizar a rede de serviços em um mapa com todas as estações de recarga disponíveis.

Z-Captable-Gr-fico-6

Como monetiza

O usuário pode carregar o seu veículo em qualquer estação da rede e pagará pelas recargas no seu cartão de crédito, das seguintes formas:

Z-Captable-Gr-fico-7

 

 

3. MERCADO

A recarga pode ser feita de diversas formas, uma vez que a eletricidade pode ser gerada por fontes como solar, hidrelétrica e eólica. No Brasil, 80% da matriz elétrica vem de fontes renováveis e, desse montante, 72% são limpas - estatística que torna o uso de carros elétricos ainda mais sustentável.

Vários países já vêm estabelecendo um prazo de proibição da venda de veículos com motor a combustão. As maiores montadoras do mundo já firmaram compromissos firmes em direção à eletrificação.

Z-Captable-Gr-fico-8

Só no ano passado, foram vendidos mais de 3,2 milhões de veículos elétricos no mundo. Aqui no Brasil, essa transformação acontece de forma acelerada. A venda de carros elétricos bateu recorde em 2020, com aumento de 60% em relação a 2019 e 378% em relação a 2018.

Z-Captable-Gr-fico-9

No primeiro semestre de 2021, foram emplacados 13.889 veículos movidos a eletricidade ou híbridos, segundo a ABVE. O número representa o crescimento de 84% em relação ao mesmo período de 2020. 

O mercado brasileiro tem apresentado iniciativas que aceleram a eletromobilidade e reforçam a importância de uma infraestrutura completa de recarga para os veículos. As discussões sobre o assunto estão rompendo barreiras e recebendo maior atenção do Poder Público. Como exemplo, podemos citar a adesão do governo paulista ao programa Race to Zero da ONU, que busca zerar as emissões de carbono no Estado.

Em março de 2020, em São Paulo, também entrou em vigor a lei municipal, n° 17.336/2020, que prevê a obrigatoriedade da instalação de carregadores para veículos elétricos e híbridos, em edifícios residenciais e comerciais. Um projeto de lei já tramita para que a iniciativa se amplie para todo o estado e a expectativa é de que outras regiões adotem a legislação em breve. 

Z-Captable-Gr-fico-10

A empresa montou sua estratégia para atender a demanda, oferecendo serviço de consultoria às construtoras e orientando sobre todos os procedimentos necessários para cada vaga do condomínio receber o seu carregador individual. 

O prefeito de São Paulo também sancionou o projeto de lei que permite aos compradores de veículos elétricos e híbridos descontar os créditos de IPVA, a que têm direito, por débitos de IPTU. Confira na entrevista de Pedro Schaan para a Jovem Pan, as mudanças que o projeto traz para o mercado:

 

Os dados e atualizações do mercado comprovam que o futuro da mobilidade é elétrico. E ele já chegou.

Benchmark

A operação da Zletric se assemelha à ChargePoint, uma companhia americana - que hoje opera na América do Norte e Europa, com mais de 30 mil estações de recarga. Enquanto companhia privada recebeu investimentos da BMW, Chevron, Siemens, entre outros. A ChargePoint fez seu IPO em setembro de 2019 na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE), hoje possui valor de mercado de mais de US$ 7,9 bilhões.


4. A EMPRESA

História

A Zletric nasceu em 2019 como uma solução inteligente para mobilidade urbana, fornecendo energia limpa em uma rede de recarga para veículos elétricos. São mais de 100 estações instaladas e mais de 300 previstas até o final do ano, em diferentes estados. Sua tecnologia foi desenvolvida e fabricada no Brasil, detendo toda a propriedade intelectual do sistema.

Z-Captable-Gr-fico-11

Já estamos em São Paulo, em 15 pontos diferentes, e 5 no Rio de Janeiro. No estado de Santa Catarina, estamos em Florianópolis, em Joinville e em Criciúma. No Rio Grande do Sul, são diversas estações espalhadas entre Porto Alegre, Caxias do Sul, Novo Hamburgo e gramado. 

Parceiros

Nesse período de estrada, a Zletric construiu uma relação de confiança com diferentes parceiros:

Z-Captable-Gr-fico-14

Visão 

A nossa principal tese de crescimento é fazer, o mais rápido possível, a Rede para os carros recarregarem. Esse é um dos principais vetores de crescimento  do mercado da eletromobilidade: Se um consumidor percebe que a pergunta “Onde vou carregar?” está respondida  a adoção do carro elétrico dispara! 

E construir a rede hoje, de maneira acelerada, com a nosso tecnologia própria, antes do mercado acontecer é  muito mais barato. Com um valor investido muito menor conseguiremos firmar um share de mercado muito maior  no futuro.

Equipe

Pedro Schaan

CEO

Engenheiro eletricista, com MBA em Marketing e 20 anos de experiência na área de tecnologia. O histórico comercial combinado com a forte experiência em engenharia reforçam a trajetória de Maker em sua 2ª Startup.

Laura Turkenicz

Head of Sales

Engenheira civil com 16 anos de experiência em desenvolvimento e gestão de produtos e abertura de mercado. Especialização em viabilidade de empreendimentos. Atuante na área comercial e estratégica de venda.

Carlos Trein

Head of Engineering

Engenheiro Eletrônico e empresário, experiência em projeto de produtos eletrônicos para diversos segmentos de mercado. Diretor de engenharia e P&D na Datacabos, atuou no segmento de TI como sócio fundador da Plugar S.A referência no cenário brasileiro de inteligência de mercado.

Arthur Rizzo

Head of Delivery

Engenheiro Civil pela PUCRS e HEI-FR com 5 anos de experiência nacional e internacional em gestão de obras contemplando em toda sua atuação mais de 50 obras entregues.

Investidores

André Piccoli

Founder / Business

Empresário, empreendedor e Sócio-Fundador da SafePark – maior rede de estacionamentos da região Sul. Empresa com 28 anos de atuação, 115 pontos espalhados no RS e SC e mais de 40 mil vagas.

Tárik Potthoff

Founder

CEO da Pmweb há 23 anos, empresa adquirida pela WPP e pela Oracle, líder em Data Driven Marketing para varejo, companhias aéreas e hotéis. Formado em Administração pela ESPM e Harvard Business School OPM 53/2019.

André Dorf

Energy & Strategy

Administrador de empresas. CEO da Comerc Participações, holding que atua no setor elétrico. Foi Presidente e membro do Conselho de Administração da Arteris (empresa da Brookfield e Abertis no setor de rodovias), além de CEO e membro do Conselho de Administração da CPFL Energia e da CPFL Renovaveis. Também atuou como Diretor Executivo na Suzano Papel e Celulose, além da atuação no banco JPMorgan.

Fernando Dleizer

Finance & Business

Formado em Administração, trabalhou no mercado financeiro por 16 anos com passagens pelo Banco de Crédito Nacional e Republic National Bank of NY. Sócio da Car Park Estacionamentos, com mais de 30 mil vagas.

R$ 1.000 de investimento mínimo

As sociedades empresárias de pequeno porte e as ofertas apresentadas nesta plataforma estão automaticamente dispensadas de registro pela Comissão de Valores Mobiliários - CVM. A CVM não analisa previamente as ofertas.

As ofertas realizadas não implicam por parte da CVM a garantia da veracidade das informações prestadas, de adequação à legislação vigente ou julgamento sobre a qualidade da sociedade empresária de pequeno porte. Antes de aceitar uma oferta leia com atenção as informações essenciais da oferta, em especial a seção de alertas sobre riscos.

Oportunidades que também podem te interessar

Selecionamos outras startups com alto potencial de retorno com base no seu segmento de interesse.

Popular
LovinWine

DNVB de vinhos premium em lata que podem ser desfrutados como e onde o cliente quiser. Conta com um board qualificado com integrantes ex-Safe Park, Sam's Club, Abril, XP, StartSe, Yuool, Warren e Heineken.

Categoria 1
Popular
Mercado Radar

Startup de modelo SaaS que faz os vendedores do Mercado Livre venderem mais - através de análise de mercado, recomendações e automação.

Categoria 1
Popular
Food to Save

foodtech ESG que transforma o desperdício de alimentos em oportunidades de negócio através da entrega via app de sacolas surpresa.

Categoria 1
Popular
Health ID

plataforma de saúde preventiva através de At Home Lab Tests que permite fazer diversos check-ups de saúde com poucas gotas de sangue.

Categoria 1
Popular
Play2Sell

salestech/edtech que aumenta a conversão de vendas das empresas através de treinamentos gamificados para o time comercial.


Categoria 1
Popular
Veriza

fintech que oferece microcrédito para grupos de microempreendedores de forma 100% digital.


Categoria 1
Digital Aligner

healthtech DNVB que promove acesso, com custo menor, a tratamentos dentários com alinhadores transparentes, inclusive via assinatura.

Categoria 1

Dúvidas frequentes

Para viabilizar o seu investimento, será utilizado um contrato de nota conversível em ações. Esse contrato é muito comum no mundo empresarial e amplamente reconhecido juridicamente.
O investimento em participação em empresas sempre envolve risco, seja nas iniciantes, nas escaláveis ou até mesmo nos grandes negócios que já estão na bolsa de valores. Por outro lado, podem ser muito rentáveis. Dessa maneira, é necessário mensurar corretamente o risco e entender de forma clara quais as variáveis que impactam o seu investimento. Seu investimento pode resultar em uma das cinco possibilidades a seguir: 1. A empresa da qual você é investidor é comprada por outra antes de completar 5 anos da data do seu investimento. Nesta situação, você receberá a sua parte, proporcional ao percentual investido. 2. Sua empresa recebe um novo aporte e você poderá ser diluído. Lembrando que isso é bastante comum no mundo das startups, e não deve ser considerado algo negativo, pois por mais que você seja diluído, o fato de receber um novo aporte provavelmente aumentará o valor da empresa e, consequentemente, sua participação. Nessa situação, é bastante provável (a serem preenchidos alguns pré-requisitos estabelecidos no material da oferta), que a empresa seja transformada em uma S/A, e sua nota será convertida em ações. Assim, você passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio. 3. Após o prazo de 5 anos obrigatoriamente a empresa se transforma em S/A. Sua nota será convertida em ações e você passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio. 4. Você opta por receber seu investimento corrigido por um percentual pré-definido do CDI (percentual informado no material da oferta). 5. Empresa quebra e seu investimento se perde. Investir em empresas escaláveis é arriscado, e esse cenário deve ser considerado. Entretanto, utilizamos de vários artifícios para mitigar a chance de isso ocorrer.
Como forma de aumentar as chances de que os negócios nos quais você vai investir sejam bem sucedidos, somente aceitamos empresas que já tenham superado o MVP (Minimum Viable Product ou Produto Mínimo Viável) ou seja, empresas que já modelaram e validaram o seu produto/serviço no mercado e atestaram a existência de demanda, já possuindo uma base clientes. Em outras palavras, são aceitas apenas empresas cujo produto ou serviço é comprovadamente desejado pelo mercado, e que necessitam de capital para investir nas novas etapas do desenvolvimento do negócio. Depois de superar esta primeira etapa, é fundamental que ela seja aprovada por um de nossos escritórios de contabilidade parceiros. Desta forma, garantimos que a contabilidade da empresa está correta e que os dados apresentados são verdadeiros. Além disso, ajudará a validar e garantir que a prestação de contas pós-captação seja sempre atualizada. A partir dessas etapas, poderemos medir o potencial do negócio, bem como trazer mais segurança para o investidor. Somente após superar esse processo de avaliação a empresa poderá participar da Captable e arrecadar recursos junto aos nossos usuários. Além disso, este processo gerará um laudo de avaliação sobre a contabilidade da empresa este estará disponível publicamente na página de captação.
Através da Captable, você tem acesso a empresas previamente selecionadas, com potencial de crescimento e valorização já testados pelos nossos parceiros. Você tem a possibilidade de obter alto retorno através do investimento em títulos conversíveis em participação das companhias. Na Captable, os valores mínimos de investimento são menores do que em outras modalidades de investimento em startups. Assim, não é necessário possuir alto patrimônio para obter uma participação. Além disso, você ganha a possibilidade de dividir o seu capital disponível para investimento entre várias empresas, fomentar diferentes negócios e mitigar o seu risco através da diversificação. Por fim, você acompanha indicadores de performance dos seus negócios em um dashboard único, o que facilita o monitoramento das suas empresas e a gestão do seu portfólio de participações.
É uma das possibilidades. Das 5 opções de resultado do seu investimento, em duas delas você se torna sócio de uma empresa S/A: Após o prazo de 5 anos obrigatoriamente a empresa se transforma em S/A. Você converterá a sua nota em ações e passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio. Sua empresa recebe um novo aporte e você poderá ser diluído. Lembrando que isso é bastante comum no mundo das startups, e não pode ser considerado algo negativo, pois por mais que você seja diluído, o fato de receber um novo aporte provavelmente estará aumentando o valor da empresa e, consequentemente, apreciando a sua participação. Nesta situação, é bastante provável (a serem preenchidos alguns pré-requisitos estabelecidos no material da oferta), que a empresa seja transformada em uma S/A, e você converterá sua nota em ações. Assim, você passará a receber dividendos e a usufruir da valorização do negócio.
Por motivos de segurança do investimento, a conta bancária responsável pela custódia dos valores durante o período de captação não é operada nem pela Captable e nem pela startup em captação, e sim por uma instituição de pagamentos, a qual atua como um agente independente neste processo. Por conta disso, as confirmações de recebimento dos valores estão sujeitas aos relatórios enviados pela instituição de pagamentos, o que ocorre periodicamente. Dessa forma, consideramos o prazo de 2 dias úteis para aprovar o seu depósito. Se a sua transferência ainda está dentro deste período, por favor aguarde.
Não. O risco do investimento limita-se ao capital investido. Num primeiro momento, você é um credor da startup, não tendo responsabilidade sobre eventuais dívidas da empresa. Você somente se tornará sócio da empresa quando esta virar uma S/A, fato que protege o investidor, já que o máximo que será requerido do investidor será o valor de sua participação na empresa (o mesmo que ocorre em investimentos na Bolsa de Valores).
Sim, todo o processo de investimento é on-line. São apenas 4 passos para concluir a sua reserva. Depois basta você realizar um DOC/TED pelo seu home banking do valor reservado. Após isso, esperar até dois dias úteis para que o seu depósito seja validado. Por último, depois de concluída a captação você receberá em seu e-mail a orientação para assinatura do contrato de investimento, que será online também. O contrato ficará disponível após assinatura no nosso painel do investidor que também é onde ocorre o acompanhamento da startup, com alguns indicadores que serão atualizados mensalmente e outros semestralmente.
Não, você não terá que se envolver. Você é apenas um investidor e receberá as informações do que está acontecendo via painel do investidor.
Caso a startup atinja ⅔ da meta, a captação já será considerada bem sucedida e, mesmo que a startup não atinja a íntegra da meta de captação, ao final da captação os títulos de investimento serão emitidos e o valor será repassado para a startup. Caso a captação chegue à sua data limite com menos de ⅔ captados, ela não será considerada bem-sucedida, e a Captable devolverá o dinheiro dos investidores que já tiverem feito os aportes. Neste caso, o prazo para devolução dos recursos é de 7 dias úteis após o término da captação.